Arquivo da tag: gideão

A marcha dos desqualificados

"Ora, àquele que é poderoso para vos guardar de tropeçoes e para vos apresentar em exultação, imaculados diante da sua glória" Jd 1:24

"Ora, àquele que é poderoso para vos guardar de tropeçoes e para vos apresentar em exultação, imaculados diante da sua glória" Jd 1:24

Deus é tão grande quanto é imparcial. Se Ele chamasse somente os capacitados deste mundo, Ele não estaria sendo justo, logo deixaria de ser o Deus perfeito que Ele mesmo anuncia ser.

A conclusão a que chegamos, quando nos deparamos com vários relatos bíblicos, é que o Justo chama todos para algum trabalho especial dentro da Sua livre, espontânea e soberana vontade, porém nós é que nos fazemos escolhidos.

“Tome sua posição!” – você entenderá vendo este vídeo, cuja tradução está logo abaixo


Vídeos do VodPod não estão mais disponíveis.

more about “A marcha dos desqualificados“, posted with vodpod

Minha livre tradução:

Você acha que Deus não pode usá-lo?
Você acha que ele somente usa pessoas grandemente qualificadas?
Então preste bastante atenção:
Moisés nem era um grande orador
Jonas fugiu de Deus
Jacó era mentiroso
Noé bebia
Raabe era uma prostituta
O rei Davi teve um caso extraconjugal
Jeremias era depressivo… e muito!
O rei Salomão era rico em sabedoria mas pobre no estilo de vida
João, o Batista era simplesmente um pobre
Timóteo era muito jovem
Abraão era muito velho
Lázaro estava morto
Sara era estéril
Noemi era uma viúva
Ambos, Gideão e Tomé, duvidaram
Tal e qual a Sara
Pedro sofria de falta de auto-controle
Tiago e João se julgavam corretos
Paulo era “pavio-curto”
Assim como Pedro e Moisés e mais um monte de gente
O exército de Deus não é perfeito
Nem nunca foi
É a marcha dos desqualificados
Tome sua posição!


A ressurreição de Jesus [Lc 24.2]

"Filho meu, não te esqueças dos meus ensinos" Pv 3:1

"Filho meu, não te esqueças dos meus ensinos" Pv 3:1

A ressurreição de Jesus foi um ato divino que envolveu as três Pessoas da Divindade (Jo 10.17-18; At 13.30-35; Rm 1.4). Não foi mera restauração do corpo físico desfalecido, tirado da cruz e sepultado. Foi uma transformação da humanidade de Jesus, que o capacitou a aparecer e a desaparecer e mover-se de forma invisível de um lugar para outro (Lc 24.31,36). Foi a renovação criativa do seu corpo, que o tornou agora corpo totalmente glorificado e não mais sujeito à morte (Fp 3.21; Hb 7.16,24). O Filho de Deus, no céu, vive no corpo e através do corpo e assim será para sempre. Em 1Co 15.50-54, Paulo ensina que os cristãos que estiverem vivos na terra no momento em que Jesus voltar passarão por transformação semelhante. Os que morreram em Cristo antes da sua vinda serão transformados do mesmo modo e jamais voltarão a morrer.

O Cristianismo se apóia na certeza da ressurreição de Jesus como fato ocorrido na história. Os Evangelhos têm-na como seu ponto alto, com o túmulo vazio e os aparecimentos do ressurreto, e o Livro de Atos iniste nisso (At 1.3; 2.24-35; 3.15; 4.10; 5.30-32; 13.33;37). Paulo considera a ressurreição como prova indiscutível de que a imagem a respeito de Jesus, como Juiz e Salvadfor, é verdadeira (At 17.31; 1Co 15.1-11,20).

A ressurreição de Jesus demonstrou sua vitória sobre a morte (At 2.24, 1Co 15.54-57), vindicando-o como Justo (Jo 16.10) e revelando sua identidade divina (Rm 1.4). Ela o conduziu à ascenção e ao seu atual Reino celestial. Garante o atual perdão e justificação do crente (Rm 4.25, 1Co 15.17) e é a esperança de vida eterna para o crente em Cristo (Jo 11.25-26; Rm 6; ef 1.18-2.10, Cl 2.9-15; 3.1-4)

Exztraído de A Bíblia de Estudo de Genebra

Se o SENHOR é comigo

“Então o Anjo do SENHOR lhe apareceu e lhe disse: ‘O SENHOR é contigo, homem valente’
Respondeu-lhe Gideão: ‘Ah, senhor meu! Se o SENHOR é conosco, por que nos sobreveio tudo isto?’

Vídeos do VodPod não estão mais disponíveis.

more about “Se o SENHOR é comigo“, posted with vodpod

 

O sacrifício

 

"com estes trezentos homens que lamberam a água eu vos livrarei" Jz 7:7

"com estes trezentos homens que lamberam a água eu vos livrarei" Jz 7:7

Para onde me levará o meu SENHOR?

O meu SENHOR me levará para o sacrifício,

pois o sacrifício é a certeza da vitória iminente 

Gideão e a escolha dos 300